O ABC de Braga somou mais uma vitória, diante do Sporting CP, vencendo a equipa leonina por tangíveis 24-23. Em jogo a contar para a terceira jornada da fase final do Andebol 1, a equipa minhota lutou até ao último minuto para somar os três pontos e, assim, garantir o segundo posto da tabela classificativa.

Na primeira parte, a equipa leonino foi quem inaugurou o marcador, no entanto o ABC de Braga mostrava-se capaz de responder. Num jogo com muito equilíbrio e velocidade, os leões tomaram o comando da partida até ao minuto 25, mas rapidamente o ABC inverteu a situação. A partir deste momento, a equipa da casa “instalou-se” no comando do jogo, não dando hipóteses à turma de Frederico Santos. As táticas academistas estavam a funcionar e o ABC de Braga chegou a intervalo a vencer por 13-10.

A entrada na segunda parte foi mais positiva para o ABC de Braga que, desde cedo, ampliou a vantagem para 17-11, ao minuto 37. A exibição do capitão minhoto, Humberto Gomes, aliada à defesa consistente “amarela”, era difícil de abalar, dificultando os remates assertivos dos leões.

A equipa de Lisboa apenas conseguiu aproximar-se do resultado ao minuto 47, devido à superioridade numérica e à desconcentração minhota (20-18). A cinco minutos do final, as equipas davam tudo por tudo e separavam-se por uma diferença de três tentos, no entanto, a dois minutos do apito final, o jogador minhoto Hugo Rocha sentenciou a vitória academista por 24-23.

Os jogadores minhotos Hugo Rocha, Nuno Pereira e Ricardo Pesqueira merecem destaque pelos seus quatro tentos conseguidos.

Com este resultado, o ABC de Braga sobe ao segundo posto da tabela, ainda assim, de forma provisória, dado que o FC Porto joga esta quinta-feira com o Sporting da Horta. Os açorianos serão, aliás, o próximo adversário dos minhotos: o jogo entre ABC e Horta está agendado para as 21 horas da próxima quarta-feira, no Pavilhão Flávio Sá Leite.

 

Reações

Em declarações exclusivas ao ComUM, o jogador academista Carlos Martins admitiu que “foi um jogo disputado até ao fim“. Carlos confessou também que “o Sporting esteve sempre na luta, mas que o ABC esteve sempre na frente”. “O mérito é do ABC, dado o trabalho que tem vindo a desenvolver esta época”, reforçou Carlos Martins.

Já o jogador leonino Fábio Magalhães admitiu que “o Sporting podia ter feito um jogo melhor”. Para Fábio, “o Sporting cometeu falhas que não costuma cometer”.