O Vitória SC ganhou (3-1) à Académica de Espinho, numa partida que marcou o regresso a Guimarães depois de várias semanas a jogar fora de portas. Pode-se dizer que não foi um jogo com um nível muito elevado, apesar de ter sido equilibrado entre o primeiro e o segundo sets.

A formação vimaranense destacou-se no primeiro set e o resultado podia ter sido mais folgado se a equipa estivesse mais concentrada. No segundo tempo técnico, o marcador registava 16-11 e, apesar de o adversário ter ameaçado o resultado com mais cinco pontos marcados, a equipa da casa assegurou o parcial (25-23).

O segundo set já foi mais disputado e dinâmico em relação ao primeiro. A Académica de Espinho entrou com mais força e conseguiu liderar o marcador, abrindo com uma margem de quatro pontos de vantagem (6-10), acabando assim esta parte do jogo em 24-26.

No terceiro set, assistiu-se a uma entrada forte por parte do Vitória, que deixou uma longa diferença no marcador (3-11), fechando o set com um avanço significativo (25-15).

No quarto e último tempo, o Vitória mostrou mais uma vez a sua força, vencendo por 25-18, conseguindo assim triunfar mais uma vez.