O Sporting de Braga carimbou esta quarta feira a passagem às meias-finais da Taça de Portugal, ao golear o Belenenses por uns expressivos 7-1.

Os minhotos abriram o marcador, logo aos 16 minutos, por intermédio de Santos. Após canto batido na direita, André Pinto cabeceia e Santos, também de cabeça, empurra a bola para o fundo das redes de Matt Jones.

Pouco depois, novo golo dos minhotos. Após cruzamento de Rubén Micael, a bola chega a Rafa que só tem de encostar.

Aos 43 minutos, os pupilos de Sérgio Conceição aumentaram a vantagem para três golos, após golo de Rúben Micael.

Antes do intervalo, a equipa visitante fica reduzida a 10 jogadores, após expulsão de Deyverson, num lance em que o avançado parece pisar André Pinto.

Na segunda parte, mais do mesmo. Logo aos 48 minutos, Pardo, com um remate bem colocado, bate o guarda redes dos azuis.

A equipa do Belenenses ainda teve tempo para reduzir a desvantagem, através dum tento solitário de Fábio Nunes, num lance em que Kristyuk deixa a sensação de que podia fazer melhor.

Insatisfeito com o resultado, o Braga partiu para cima do Belenenses e marcou novamente através de Éder. O remate do internacional português ainda sofre um desvio num jogador do Belenenses, antes de entrar na baliza.

Com a vitória garantida, os minhotos ainda aumentaram a vantagem para cinco golos, depois de o capitão bracarense, Alan, assinar um golo de se tirar o chapéu.

As contas do marcador ficaram seladas aos 89 minutos, altura em que Pedro Tiba, a meias com Matt Jones, coloca a bola no fundo da baliza da turma de Belém.

Com esta vitória, o Braga garante a presença nas meias finais da competição pelo segundo ano consecutivo. Na próxima fase, defronta o carrasco do ano anterior, o Rio Ave.