Entre os dias 27 e 31 de julho, os campi de Gualtar e Azurém da UMinho vão receber os estudantes do ensino secundário, pelo oitavo ano consecutivo. A iniciativa conta com 500 vagas, distribuídas por 25 turmas, que serão preenchidas de acordo com as preferências dos participantes.

O programa deste ano conta com 25 iniciativas, nas mais variadas áreas do conhecimento, nomeadamente, a arquitetura, o direito, as ciências sociais, a economia e a gestão.  As atividades estarão distribuídas pelas diferentes escolas da UMinho.

Para António Osório, responsável pelas atividades da Escola de Educação, a experiência do último verão leva-o a acreditar que este ano a adesão será “entusiástica, pró-ativa, responsável, madura e produtiva”.

Em relação ao programa da Escola de Educação para o “Verão no Campus”, António Osório fala leque variado de experiências, que se podem aplicar tanto a um grupo de “dois ou três participantes como de 20 ou 30”.

Os alunos, maioritariamente do ensino secundário, serão acompanhados em todas as atividades por professores, investigadores e estudantes da universidade.

A próxima edição do “Verão no Campus” visa promover a cultura, a ciência, a arte e as letras junto dos futuros alunos universitários. Esta iniciativa pretende, ainda, ajudar os jovens com as suas escolhas para o ensino superior e promover o contacto com colegas de diferentes regiões geográficas.

“O espírito de equipa e o ambiente que se vive no campus fez com que este ano me voltasse a inscrever, até porque me ajudou bastante na escolha do curso”, afirma Ana Gomes, participante do “Verão no Campus 2014”.

A ficha de inscrição está disponível no site oficial do evento, veraonocampus.uminho.pt, onde os interessados já podem submeter a candidatura.