A Associação Académica da Universidade do Minho (AAUM) conquistou, pela segunda vez consecutiva, o título de campeã nacional universitária em futsal masculino. Os minhotos confirmaram o favoritismo e venceram a AAUBI (Associação Académica da Universidade da Beira Interior) por 4-0, na final realizada em Lisboa.

Os comandos de Paulo Tavares encontraram um conjunto aguerrido e motivado, após a sofrida qualificação para a final (vitória nas grandes penalidades frente à Associação Académica de Coimbra). Desde o primeiro minuto, a AAUM controlou as operações, frente a uma equipa da AAUBI a jogar com um bloco muito recuado e que ia impedindo o primeiro golo minhoto. Contudo, a turma da Beira Interior acabou por não conseguir fazer face á superioridade evidenciada pelos campeões em título que, aos oito minutos, inauguraram o marcador, na sequência de um remate cruzado de Rafa.

Cinco minutos depois, o marcador do primeiro golo da AAUM voltou a fazer a diferença. Com um grande passe, Rafa descobriu André Coelho, que aumentou para 2-0, resultado com que as equipas se dirigiram para os balneários.

Após o intervalo, a AAUM voltou a ser superior e não se deixou surpreender pelo seu adversário. Logo aos três minutos do segundo tempo, Rafa bisou na partida, afirmando-se como um dos jogadores em maior destaque na partida. Mais tarde, Tiago Brito fechou as contas do marcador. Na marcação de um livre, o atleta do SC Braga/AAUM fez o 4-0 final.

A AAUM tornou-se assim bicampeã nacional, revalidando o título conquistado em 2015, na cidade de Guimarães. O conjunto da academia minhota vai agora disputar o Campeonato Europeu Universitário, que se realiza em Junho, na Croácia.