O Vitória SC perdeu com o Rio Ave por 2-0, em jogo da 29ªjornada da Liga NOS. Num encontro em que o Rio Ave marcou dois golos nos primeiros 22 minutos, os vimaranenses averbaram uma derrota que coloca a formação minhota numa posição delicada para alcançar um lugar nas competições europeias.

Os minhotos entravam para esta partida sem vencer há oito jogos, mas acalentavam ainda assim esperanças em garantir um lugar europeu. A precisar de vencer, a equipa de Sérgio Conceição entrou muito mal no encontro, sofrendo um golo logo nos minutos iniciais. O ponta-de-lança vila-condense Guedes surgiu nas alturas para finalizar o cruzamento de Lionn, fazendo assim o 1-0, aos cinco minutos.

O ritmo de jogo nos primeiros minutos foi muito elevado: após sofrer o golo, o Vitória rapidamente respondeu, levando perigo à baliza de Cássio e, logo a seguir, foi a vez de Heldon, do lado do Rio Ave, falhar o segundo golo por pouco.

O cabo-verdiano da equipa da casa acabaria mesmo por marcar aos 22 minutos, através da marcação de uma grande penalidade. O Vitória não conseguia atacar com coerência, apesar das jogadas individuais de Otávio, e viu as suas oportunidades de vencer a partida ficarem ainda mais escassas, após uma falta na grande área de Josué sobre Guedes. O Rio Ave dilatava assim a vantagem, podendo gerir o jogo mais confortavelmente.

Os minhotos reagiram melhor ao segundo golo sofrido, pressionando a defesa da casa até ao intervalo. As oportunidades sucediam-se, especialmente através de Otávio, mas o golo teimava em não surgir. Até ao descanso, o Vitória esteve por quatro vezes perto de marcar, mas a primeira parte acabou mesmo com um 2-0 no marcador.

A segunda parte foi bem mais escassa em oportunidades do que o primeiro tempo. Apesar de os vimaranenses dominarem completamente a posse de bola, não encontravam forma de furar a defesa do Rio Ave. O maior lance de perigo pertenceu, aliás, aos homens da casa, através de Edimar, que enviou a bola à trave do guarda-redes Miguel Silva.

As substituições foram retirando grande parte do ritmo ao jogo, e a vontade de vencer do Vitória também parecia apagar. Aos 84 minutos, já perto do final, Bruno Gaspar ainda rematou muito perto da baliza vila-condense, mas não conseguiu sequer reduzir a vantagem.

O jogo terminou assim com uma vitória do Rio Ave, decidida logo nos primeiros 22 minutos. Com este resultado, o Rio Ave iguala o Arouca no quinto posto, enquanto o Vitória fica assim praticamente fora dos lugares europeus. Os minhotos estão agora no 11ºposto, com 35 pontos.