Depois de uma primeira parte de bom nível, o AC Fafe sentiu muitas dificuldades na etapa complementar frente ao Boa Hora. Em partida da 2ª jornada da fase de manutenção do Campeonato Andebol 1, os minhotos foram derrotados por 34-26.

Ambos os conjuntos procuravam novo triunfo na competição depois de terem assegurado os três pontos na ronda inaugural. Nesse sentido, os minutos iniciais do jogo foram marcados pelo equilíbrio, sendo que a vantagem foi pendendo tanto para uma equipa como para outra. Essa alternância no resultado foi-se mantendo até à entrada dos últimos dez minutos da primeira parte, altura em que os fafenses começaram a descolar no marcador.

O AC Fafe chegou a estar na frente por cinco golos, no entanto, permitiu que o Boa Hora reduzisse de forma considerável ainda antes do final do primeiro tempo. Ao intervalo, o placard assinalava 16-17.

Na segunda parte, a história do encontro foi totalmente distinta. O atleta da formação do Minho, Vasco Santos, foi expulso logo no segundo minuto e o emblema do Porto aproveitou para fugir no marcador. Com o resultado a seu favor, o emblema da casa soube geri-lo a seu belo prazer e não mais deixou o AC Fafe chegar sequer à igualdade. O treinador da equipa forasteira ainda pediu um timeout a meio do segundo tempo, mas foi em vão. No final do jogo, o Boa Hora acabou com uma vantagem expressiva de oito golos.

Após esta derrota, o AC Fafe desceu ao 6º lugar, somando 23 pontos. Na próxima jornada, o emblema do Minho recebe o Belenenses.