O clube bracarense entra para esta época com vários reforços de peso e com o regresso de algumas caras conhecidas que já haviam representado o emblema academista.

Hugo Rosário, que esteve no ABC/UMinho de 2003 a 2011, teve passagens pelo FC Porto, Águas Santas e Madeira SAD, clube que defendeu na temporada passada. O lateral português já esteve na seleção nacional A e foi vice-campeão europeu em 2010, representando os sub-20.

Nuno Silva, que esteve no Xico Andebol e no Sporting CP, também chega da Madeira para reforçar os minhotos. O central conta com internacionalizações pelas seleções nacionais jovens e traz aos academistas “muita experiência de primeira divisão”, de acordo com o novo treinador, Jorge Rito. Curiosamente, é neto de António José Lopes de Sousa: um antigo presidente do ABC/UMinho.

O ponta-esquerda Dario Andrade (que tinha anunciado o fim da carreira no final da época transata ao serviço do clube) regressou ao andebol e voltou a Braga de forma provisória. O atleta fará parte do plantel até ficar esclarecida a situação de Diogo Branquinho, que teria um compromisso para ficar mais um ano no ABC/UMinho, mas acabou por rumar ao FC Porto. O experiente português, de 36 anos, já passou também pela cidade Invicta.

Outro reforço é Belmiro Alves, que ajudou a AC Fafe a manter-se na primeira divisão de andebol e passou pela seleção nacional, nas camadas jovens.

Quatro atletas da formação foram premiados com uma subida à equipa A: Ricardo Panta Ferreira, Rui Ferreira, Rafael Peixoto e Francisco Silva.

Fonte: site do ABC/UMinho

Fonte: site do ABC/UMinho

O professor Jorge Rito, novo técnico dos bracarenses, regressou a uma casa onde já esteve durante muitos anos e vai ter à sua disposição um plantel cheio de atletas jovens. O treinador não considera, porém, que isso seja uma desvantagem face às outras equipas e valoriza o “grande caráter” dos seus jogadores. João Luís Nogueira, o presidente do ABC/UMinho, expressou a sua satisfação por ter ao comando dos minhotos um treinador de reconhecido mérito, um homem da casa que é o segundo treinador que esteve mais anos à frente do ABC”.

Se conseguirão ser campeões… só o tempo dirá. Para isso acontecer, Rito terá de conseguir combinar a experiência com a juventude, num plantel que pensa estar em “reformulação”.

Se a nível nacional os objetivos estão bem definidos, a equipa minhota também tomou a decisão de não participar nas competições europeias -qualificou-se a época passada para a Taça Challenge- de forma a equilibrar as contas do clube.

O primeiro teste oficial da temporada 2017/18 do ABC/UMinho será a Supertaça, este domingo, frente ao Sporting CP.