O SC Braga/AAUM esteve duas vezes em desvantagem, mas conseguiu passar a eliminatória. Surge agora o SL Benfica como adversário nesta Final Eight que decorre em Sines.

No jogo que fechou os quartos de final da Taça da Liga de Futsal, o SC Braga/AAUM derrotou o Modicus por 3-2 na marcação de grandes penalidades, depois de o desafio ter terminado empatado 2-2 no fim do tempo regulamentar. Após este resultado, a turma orientada por Paulo Tavares junta-se a AD Fundão, SL Benfica e Sporting CP nas meias-finais da Final Eight da competição que está a decorrer em Sines.

A proximidade pontual das duas equipas na Liga Sport Zone fazia prever uma partida equilibrada, que foi verificável ao longo dos 40 minutos. A formação de Sandim foi aquela que melhor entrou em campo: impulsionado pela experiência dos internacionais portugueses Joel Queirós e Fábio Lima, o Modicus conseguiu ter mais bola, acabando mesmo por ser a primeira equipa a chegar ao golo.

À passagem do minuto seis, aproveitando um mau passe de Marinho, Óscar Santos atirou para o fundo das redes de Vítor Hugo, inaugurando assim o marcador. O golo sofrido despertou os pupilos de Paulo Tavares. O SC Braga/AAUM teve mais posse de bola, obrigando o guarda-redes Rui Pedro a um punhado de boas defesas.

A pressão minhota acabaria por surtir efeito quando estavam jogados 17 minutos. Tiaguinho, assistido por André Machado, disferiu um potente remate, fazendo o empate a uma bola com que se chegaria ao intervalo.

O Modicus entrou mais forte na etapa complementar da partida: voltou à vantagem quando estavam decorridos cinco minutos da etapa complementar. Na sequência de uma excelente jogada individual, Coelho, após tirar André Machado da frente, rematou colocado ao primeiro poste, sem hipóteses de defesa para o guarda-redes Vítor Hugo.

A pressão bracarense acabou por não fazer efeito, sendo mesmo a turma minhota obrigada a apostar no 5×4+GR. Já depois de Fábio Lima ter atirado ao ferro através de um remate de trás do meio-campo, o SC Braga/AAUM chegou mesmo ao golo. Quando faltavam jogar dez segundos, Ludgero aproveitou um ressalto para empurrar para o fundo das redes e levar o encontro para a marcação de grandes penalidades.

Vítor Hugo brilhou ao parar o primeiro penálti, defendendo o remate de Coelho e, depois de João Abreu e André Machado terem atirado a contar, Gabriel Rosa carimbou o passaporte para as meias-finais com um potente remate.

O SC Braga/AAUM tem agora encontro marcado com o SL Benfica no próximo sábado às 17 horas. Mais cedo, às 14:30, a AD Fundão e o Sporting CP defrontam-se na outra partida desta fase da competição.