Minhotos conquistam vitória inédita no reduto do SL Benfica. Equipa de Ivo Vieira entrou a perder no jogo.

O Moreirense deslocou-se ao Estádio da Luz, no âmbito da nona jornada da Liga NOS, para defrontar o SL Benfica. Os forasteiros venceram por 1-3, conquistando assim a segunda vitória consecutiva.

Os comandados por Ivo Vieira sofreram um golo logo a abrir (3’). Jonas marcou com o pé esquerdo o primeiro do encontro, com uma assistência de João Félix. No entanto, dois minutos depois, Chiquinho empatou para a equipa de Moreira de Cónegos, motivando-a para os momentos seguintes do encontro.

A boa reação da formação cónega foi logo sentida com o golo de Pedro Nuno, aproveitando uma falha defensiva do conjunto encarnado. Este tento colocou, assim, o Moreirense pela primeira vez em vantagem na partida, causando a surpresa no estádio.

Ainda houve tempo para um terceiro golo dos vimaranenses antes do intervalo. Loum encontrou espaço no meio-campo contrário e marcou aos 36 minutos, dando uma margem mais confortável para o intervalo. Os treinados por Ivo Vieira desceram para os balneários a vencer por 1-3.

No regresso ao relvado, a equipa do SL Benfica, antevendo uma segunda parte difícil, mexeu com uma dupla substituição. André Almeida e Pizzi saíram para dar lugar a Salvio e Castillo, vendo-se uma clara intenção por parte de Rui Vitória em vencer o jogo. Os cónegos não entraram com o mesmo fulgor e não criaram nenhum perigo junto da baliza de Vlachodimos, mas foi o suficiente para vencerem esta partida com a margem de dois golos.

Num jogo em que se notou o mau momento dos encarnados, a equipa visitante aproveitou as falhas defensivas do adversário. No entanto, não se pode tirar o mérito da equipa do Minho, que foi eficaz nos momentos decisivos.

Um dia depois de completar 80 anos, o Moreirense consegue uma vitória histórica, já que nunca tinha vencido no Estádio da Luz. A formação de Moreira de Cónegos sobe, assim, provisoriamente, ao sétimo lugar da Liga NOS. Na próxima jornada, os minhotos recebem o Portimonense, dia 9 de novembro, às 19h.