O tenista português melhor colocado no ranking ATP foi eliminado após uma batalha de mais de duas horas. Nos momentos finais, o cansaço contribuiu para a derrota.

A Quadra 1 do Jockey Club Brasileiro recebeu, nesta quinta-feira, o confronto entre João Sousa e Casper Ruud a contar para a segunda ronda do Rio Open. Este foi o primeiro encontro entre os dois tenistas e terminou com a vitória do jovem tenista proveniente da Noruega, com parciais de 6-3, 3-6 e 6-4 em duas horas e 11 minutos.

O norueguês de apenas 20 anos é oriundo da fase de qualificação, mas já havia mostrado o seu potencial em edições anteriores do Rio Open. Em 2016, o jovem alcançou as meias finais do torneio, sendo o melhor resultado da carreira. Por outro lado, o português de 29 anos tem mais experiência em terra batida e chegava embalado depois de uma vitória na primeira fase da competição.

O primeiro set foi bastante equilibrado. Os dois tenistas estavam a manter uma boa média de primeiros serviços e confirmando os respetivos jogos. Porém, a diferença veio no oitavo, onde o vimaranense não foi eficiente e sofreu uma quebra de serviço sem marcar um ponto. Com a vantagem, o escandinavo não deu chances ao rival e finalizou em 6-3.

No começo do segundo set, o português estava visivelmente abalado psicologicamente, devido aos erros cometidos no parcial anterior. Foi quebrado logo no primeiro jogo e estava a cometer muitos erros. Contudo, no terceiro jogo, o atual número 40 do ranking ATP conseguiu devolver a quebra de serviço e, logo de seguida, confirmou o seu. Foi a primeira vez que Sousa ficou à frente no placard. A partir daquele momento, Ruud não conseguiu manter a consistência mostrada no primeiro parcial e perdeu o segundo por 6-3.

O terceiro set teve um início parecido com o segundo. O vimaranense cometeu muitos erros não forçados e teve novamente o serviço quebrado. Quando estava a perder por 4-2, Sousa conseguiu recuperar e empatar o parcial em 4-4, mas não teve forças para continuar a impor sua estratégia de jogo. Dessa forma, o seu adversário, melhor fisicamente, confirmou o serviço. Aproveitou as bolas vencedoras e os erros cometidos pelo português para finalizar o set em 6-4.

Casper Ruud enfrenta na próxima ronda o sérvio Laslo Djere, que venceu o japonês Taro Daniel.