As Gverreiras do Minho afastaram o rival Sporting CP da Taça de Portugal. A equipa minhota foi para o intervalo a perder, mas deu a volta na segunda parte.

Em jogo a contar para a quarta eliminatória da Taça Portugal Futebol Feminino Allianz, o SC Braga recebeu, no estádio 1º de Maio, o Sporting CP. O jogo terminou com a vitória bracarense por 3-1.

O duelo de titãs começou de forma tensa. Com a rivalidade vincada e a bancada bem composta, as equipas entraram em campo pressionadas. A primeira oportunidade de jogo surgiu para a formação da casa, mas quem chegou primeiro à vantagem foi o Sporting CP. Aos 25 minutos, Tatiana Pinto bateu Rute Costa e inaugurou o marcador.

Com o golo, as lisboetas ganharam confiança e começaram a dominar o jogo, causando muita pressão na área bracarense. O primeiro tempo ficou caracterizado pelos muitos protestos do SC Braga contra a arbitragem. As equipas recolheram ao balneário com as Gverreiras do Minho a perderem por 0-1.

A segunda parte revelou a determinação do SC Braga. Logo aos 48 minutos, Uchendu empatou o jogo e, de seguida, Keane seguiu os passos da colega e colocou as arsenalistas em vantagem. O SC Braga passava para a frente do marcador.

A euforia dos adeptos deu força a Diana Gomes que, aos 60 minutos, encostou o esférico às redes de Patrícia Morais. O restante tempo regulamentar ficou marcado por inúmeras oportunidades de golo para as bracarenses. Keane esteve perto de fazer o segundo da conta pessoal ao acertar, por duas vezes, na trave.

O jogo chegou ao final com a vitoria do SC Braga por 3-1, eliminando, assim, o Sporting CP da corrida pela Taça Portugal Futebol Feminino Allianz. O próximo encontro das atletas barrenses é frente ao CA Ouriense, no sábado, às 16h00 e a contar para- a Liga BPI.