Tenista português não foi além dos quartos de final. O próximo destino é Gstaad.

João Sousa foi eliminado, esta sexta-feira, do Swedish Open ao perder com Federico Delbonis. O 56.º classificado no ranking ATP foi afastado pelo 70.º, com parciais de 6-2 e 7-5.

A defender o estatuto de oitavo cabeça de série da prova, o vimaranense não foi capaz de seguir para a próxima ronda, ao fim de uma hora e 19 minutos de jogo. O primeiro set caiu a favor do argentino, ao fim de 30 minutos, apesar do número um português ter tido três oportunidades (todas elas desperdiçadas) para devolver a primeira quebra de serviço sofrida.

Na segunda partida, João Sousa entrou melhor e, ao conseguir duas quebras do serviço do adversário, passou a vencer por 4-1 e a servir para o 5-1. Contudo, o seu nível de jogo não se manteve por muito mais tempo e Delbonis acabou por tirar partido disso mesmo. O argentino venceu seis dos sete jogos seguintes, vencendo, assim, o jogo.

No entanto, a chegada aos quartos de final permite ao tenista luso subir uns lugares no ranking mundial, com o provável regresso aos 50 primeiros. Já na próxima semana, João Sousa vai jogar na cidade de Gstaad, na Suíça, num torneio ATP 250, que se joga igualmente em terra batida.