Morreu este sábado, dia 6 de julho, o ator americano Cameron Boyce: voz do protagonista de Jake e os Piratas da Terra do Nunca, uma das personagens, durante quatro anos consecutivos, da série Jessie e um dos intérpretes principais da saga Os Descendentes. Com apenas 20 anos e uma década de trabalho, deixa um legado de obras.

A notícia da morte do jovem promissor foi confirmada por um porta-voz da família, uma perda lamentável que deixou muitos fãs destroçados. O porta-voz afirmou ainda que a estrela “morreu durante o sono devido a um ataque que sucedeu em resultado de uma condição médica para a qual estava a ser tratado”.

A estrela da Disney, nascida a 28 de maio de 1999, estreou-se longe dos holofotes da produtora. Trabalhou em vários filmes, tais como: Mirrors (terror), enquanto Michael Carson; Eagle Eye (ação/suspense), no papel de Sam Holloman; e Grown Ups (comédia), como Keith Feder, onde trabalhou lado a lado com Adam Sandler. No entanto, foi, de facto, o Disney Channel que o catapultou para o sucesso.

Cameron Boyce em Jessie

Em abril de 2011, Boyce foi convidado a participar na série Boa Sorte Charlie e, em agosto do mesmo ano, passou a integrar o elenco de bailarinos de Shake It Up. Em setembro ingressou no projeto Jessie, uma série sobre uma jovem adulta que se mudou da aldeia para a cidade para poder alcançar tudo aquilo que sonhava. No entanto, começa por trabalhar como baby-sitter de uma família multimilionária, da qual Luke Ross (Cameron Boyce) – o típico adolescente desportivo – faz parte.

Em 2015, o estrelato do ator americano aumentou ainda mais. A interpretação de Carlos no filme Os Descendentes rendeu-lhe fãs em todas as partes do mundo. Para além disso, ter um papel como filho da Cruella de Vil permitiu-lhe explorar uma área fora da sua zona de conforto, a música. A saga contou com singles promocionais – dos quais fez parte -, com músicas como: “Rotten to the Core” e “Ways to be wicked”.

Cameron também ficou conhecido pelo trabalho de caridade, com participação, em parceria com a Cruz Vermelha, num novo vídeo de sensibilização para desastres naturais. Ligou-se ainda à Window Between Worlds (AWBW), um programa que acredita no poder de cura das artes em diversas situações como, por exemplo, a violência doméstica. Ademais, o jovem ator chegou a ser homenageado com o prémio “Espírito Pioneiro”, após conseguir arrecadar 30 mil dólares para construir poços de água potável em Essuatíni.

Muitos são os fãs tristes com a perda de um jovem que já era considerado um “veterano” por muitos amigos e colegas. Porém, se nada mudar até então, poderão despedir-se dele na série Mrs. Fletcher, com estreia anunciada para o outono de 2019.

Cameron Boyce