Autogolo tramou superioridade vimaranense. Mpoku marcou o tento que pôs o ponto final na partida.

O Vitória SC viajou, esta quinta-feira, até ao reduto do Standard de Liège, no primeiro jogo da fase de grupos da Liga Europa. Num jogo onde houve mais Vitória SC, os vimaranenses perderam por 2-0.

A primeira parte teve poucas oportunidades de golo, com os dois guarda-redes a serem meros espectadores da partida. Os lances mais perigosos dos primeiros 45 minutos surgiram de livre. Primeiro, aos 24, por intermédio de Limbombe e, 12 minutos mais tarde, na bola parada batida por Rochinha.

Os golos chegaram apenas na segunda metade. Os vimaranenenses foram os primeiros a criar perigo. Denis Poha tentou a sua sorte de longe, mas viu Milinković-Savić negar-lhe o golo. A bola ainda sobrou para Rochinha, no entanto este também viu o mesmo adversário evitar o primeiro golo da turma vimaranense.

O Standard de Liège abriu o marcador aos 67 minutos. Rochinha foi infeliz no corte ao cruzamento de Vojvoda e enviou a bola para o fundo das redes. O Vitória SC esteve perto de empatar, aos 76, não fosse o grande corte de Bokadi ao remate de Bruno Duarte. O ponto final no encontro chegou já no tempo de descontos. Tapsoba falhou ao aliviar a bola, que sobrou para Mpoku arrancar e fazer o 2-0 final.

O Vitória SC não teve o melhor arranque na fase de grupos da Liga Europa, mas vira agora as suas atenções para o campeonato. O próximo jogo da equipa é em casa do CD Tondela, dia 22, pelas 18h.