SC Braga esteve a vencer até bem perto do fim, mas um auto golo de Bruno Viana impediu a conquista dos três pontos.

Depois da vitória em Inglaterra frente ao Wolverhampton Wanderers FC, o SC Braga jogou esta tarde, na Pedreira, a segunda jornada da fase de grupos da Liga Europa. Com o ŠK Slovan Bratislava pela frente, os arsenalistas não foram além de um empate a dois golos. Com este resultado, a formação comandada por Ricardo Sá Pinto, mantém-se no segundo posto com quatro pontos, os mesmos que os eslovacos, primeiros classificados.

Nos primeiros instantes da partida os bracarenses tiveram alguma dificuldade a impor o seu jogo, e a primeira oportunidade pertenceu ao ŠK Slovan Bratislava, logo aos três minutos. David Holman de livre, atirou para defesa apertada de Eduardo.

Os bracarenses responderam, aos nove minutos, através de Palhinha que, à entrada da pequena área, rematou ao lado. Aos 12 minutos, a equipa eslovaca voltou a ter uma boa oportunidade, novamente nos pés de David Holman, que atirou de calcanhar para mais uma defesa do guardião minhoto.

A partir daqui, o SC Braga começou a mandar no jogo, criando várias ocasiões do golo. Com destaque para os cabeceamentos de Paulinho, aos 18 e 23 minutos. À meia hora de jogo, os Gverreiros do Minho chegaram ao golo. Após livre lateral cobrado por André Horta, Bruno Viana cabeceou para o fundo das redes do adversário.

No fecho da primeira parte, o mesmo Bruno Viana cometeu pénalti sobre o capitão do ŠK Slovan Bratislava, Šporar. Foi o capitão que cobrou a grande penalidade, e Eduardo ainda defendeu numa primeira estância mas, na recarga, Šporar encostou e fez o 1-1, contra a corrente do jogo.

No segundo tempo, o SC Braga entrou com um maior caudal ofensivo e recuperou várias bolas em zona alta. Foram criando várias oportunidades até que, aos 63 minutos, chegou ao golo. Galeno levantou o estádio com um remate em arco disparado da esquina da área.

Quando tudo parecia encaminhado para uma nova vitória dos minhotos na Liga Europa, eis que, aos 87 minutos, num cruzamento rasteiro do lado direito do ataque eslovaco feito por Daniel, Bruno Viana, na tentativa de desviar a bola de Šporar, fez golo na própria baliza. O central arsenalista ficou diretamente ligado a três golos na partida.

Os bracarenses concentram agora atenções para a partida de segunda-feira, frente ao FC Penafiel. O encontro é referente à primeira jornada da fase de grupos da Allianz Cup.