A derrota colocou os minhotos isolados no último lugar, a três pontos do adversário desta ronda.

No jogo da 14ª jornada da Liga Placard o CR Candoso defrontou o Belenenses. No duelo de aflitos, por ambos estarem com os mesmos pontos na zona de despromoção, a equipa da capital foi mais forte e venceu por 8-2.

O CR Candoso chegou ao Pavilhão Acácio Rosa com ainda mais motivação para ganhar, visto que o Belenenses estava com os mesmos pontos e que foi a única equipa que os vimaranenses conseguiram vencer esta época. No entanto, a série de resultados negativos continua.

O jogo até começou favorável ao CR Candoso, que aos nove minutos marcou o primeiro golo. Após uma confusão na área do Belenenses, João Abreu aproveitou para adiantar o conjunto de Guimarães no marcador.

No entanto, e como se costuma dizer, foi ‘sol de pouca dura’. Cerca de dois minutos depois, o Belenenses marcou o primeiro de oito golos, por intermédio de João Marques. Aos 15, Tiago Cruz sentiu-se inspirado e, num espaço de pouco menos de 20 segundos, pôs a sua equipa a vencer por 3-1.

Antes do intervalo, o mesmo Tiago Cruz voltou a fazer o gosto ao pé e a primeira parte terminou com um 4-1 para os anfitriões. Na segunda metade, houve tantos golos como na primeira, quatro para o Belenenses, um para o CR Candoso.

O conjunto de Guimarães ainda assustou com uma bola ao poste, mas rapidamente os lisboetas aumentaram a vantagem. Aos 30 o resultado já era de 6-1. Mas, no mesmo minuto, João Abreu rematou sem qualquer hipótese e reduziu a diferença no marcador (6-2). Até ao final, o Belenenses ainda teve tempo de marcar mais dois.

Assim, o CR Candoso prolonga os maus resultados. As equipas que entraram em igualdade pontual para esta jornada saíram distanciadas por três pontos, mas ambas na zona de despromoção. Os minhotos continuam com quatro pontos e o Belenenses soma sete. A próxima partida do CR Candoso é a 29 de dezembro com o Sporting CP, jogo que ficou adiado devido à humidade no piso do pavilhão.