Cónegos acreditaram até ao fim e foram recompensados com um golo do experiente Nenê.

O CD Tondela e o Moreirense encontraram-se, este sábado, no Estádio João Cardoso para a 17.ª jornada da Liga NOS. Os beirões estiveram no controlo da partida durante grande parte do tempo, mas um golo dos forasteiros no último quarto de hora ditou o resultado final de 1-1.

Os homens da casa colocaram o pé no acelerador assim que se ouviu o primeiro apito de Vítor Ferreira e, aos oito minutos, tiveram a primeira grande ocasião de golo. Pité foi chamado à conversão de uma grande penalidade, mas acertou no ferro da baliza à guarda de Pasinato. A malapata do CD Tondela com as grandes penalidades continua e são já quatro (de um total de seis) castigos máximos desperdiçados pelos beirões esta temporada.

O pénalti falhado em nada mudou a postura da equipa de Natxo González no encontro. O CD Tondela continuou a mandar no jogo e a primeira parte jogou-se apenas no sentido da baliza de Pasinato. Ainda assim, ao intervalo o marcador registava uma igualdade sem golos.

A segunda parte arrancou da mesma forma que terminou a primeira, com os anfitriões numa busca incessante pelo golo, que acabou por surgir ao minuto 55. Na sequência de um livre lateral cobrado por Pepelu, o defesa central Bruno Wilson apareceu no coração da área e cabeceou para fora do alcance de Pasinato.

Depois do golo, o Moreirense estava obrigado a responder. Contudo, a equipa minhota revelou dificuldades em chegar perto da baliza de Cláudio Ramos. O técnico Ricardo Soares recorreu ao banco de suplentes e ao brasileiro Nenê para tentar remar contra a corrente. A aposta do timoneiro cónego revelou-se acertada, com o experiente avançado a precisar de apenas dez minutos em campo para surgir ao segundo poste, livre de marcação, a aproveitar uma solicitação de Pedro Nuno para fazer o empate.

Até ao fim do encontro, o CD Tondela continuou a insistir junto da baliza minhota, à procura do segundo golo. Porém, o Moreirense trancou a porta e segurou na bagagem um ponto que deixa a equipa no 13.º lugar da Liga NOS. Na próxima jornada, há dérbi no Minho, com a equipa de Moreira de Cónegos, que leva agora três jornadas consecutivas sem vencer, a receber o SC Braga.