A TMUM cria uma edição online do anual Festival Momentmum transmitido através do Facebook. Estarão presentes quatro tunas a concurso e a participação especial dos Anaquim.

A celebrar dez anos, a Tuna de Medicina da Universidade do Minho (TMUM) percebeu que a única maneira de manter o festival anual Momentmum seria adaptando-se à nova realidade. Desta forma, tendo em conta a atual situação de saúde pública, o festival muda de palco e, pela primeira vez em dez anos, vai decorrer, dia 13 de Junho, através de um direto na página de Facebook do grupo.

A ideia de o festival ser online foi de última hora, o que “até acaba por ser um desafio ainda maior, porque está tudo a ser feito de raiz”, conta a presidente da tuna, Mariana Silva, ao ComUM. Em circunstâncias normais, já teriam começado as preparações há meses, mas neste caso a organização teve “menos de um mês para construir a ideia e para fazer tudo acontecer”.

“Vamos tentar simular o que acontecia nas noites de espetáculo”, continua Mariana, prometendo uma noite repleta de música, convidados especiais, desafios e vários prémios. Entre os convidados, estão os Gato Vadio, que já são uma presença recorrente, e a banda coimbrense Anaquim. Além disso, estão também quatro tunas nacionais a concurso: a Arquitetuna de Lisboa, a EnfTuna de Portalegre, a DesconcerTuna de Coimbra e a Estundantina Universitária de Viseu.

As redes sociais têm sido o grande motor de divulgação, contando com iniciativas como um giveaway de um ukelele, em parceria com a loja de instrumentos musicais APC, e outras que decorrerão ao longo do evento. Apesar da incerteza perante um novo contacto com o público, Mariana Silva mostra-se confiante no trabalho desenvolvido.