As duas equipas levaram à letra a rivalidade geográfica e proporcionaram um grande confronto.

OC Barcelos e HC Braga encontraram-se este sábado no Pavilhão Municipal de Barcelos, em partida a contar para a 16.ª jornada da I Divisão de Hóquei em Patins. O dérbi minhoto foi eletrizante e terminou com vitória da turma da casa por 8-4.

O primeiro tempo foi jogado com altíssimos níveis de intensidade e equilíbrio. A formação da casa foi a primeira a faturar logo aos quatro minutos, quando Miguel Rocha aproveitou uma sobra dentro de área para marcar com muita calma.

A resposta do HC Braga não demorou muito a aparecer e, aos 13 minutos, Gonçalo Meira, com a preciosa ajuda de um ressalto num jogador barcelense, conseguiu concretizar um bom trabalho individual. No entanto, foi sol de pouca dura, uma vez que, logo no reatamento do jogo, Miguel Rocha tentou a sua sorte de meio-campo e conseguiu mais um tento para a sua conta pessoal.

Até final do primeiro tempo, a partida nunca conheceu uma verdadeira superioridade de nenhuma das formações e os comandados de Tó Neves voltaram a igualar o resultado. Na cobrança de um livre direto, Miguel Moura, com muita frieza, tirou Conti do seu caminho e só teve de empurrar. Ao intervalo o placard marcava um empate a duas bolas.

No segundo tempo, a equipa do HC Braga desnorteou-se no jogo e não foi tão forte como no primeiro período, muito devido a Reinaldo Ventura. O veterano do OC Barcelos fez um hat-trick num ápice, com golos, todos de excelente recorte técnico, aos nove, dez e doze minutos, que desbloquearam uma partida que estava muito complicada para a turma da casa. Os bracarenses reduziram a 11 minutos do final por intermédio de Gonçalo Meira, que após um lance confuso dentro de área, aproveitou para bisar no encontro.

Para os últimos quatro minutos do encontro ficou reservada uma autêntica chuva de golos. Primeiro foi o OC Barcelos que faturou aos 21 minutos por intermédio de Darío Giménez. Dentro do mesmo minuto, os visitantes responderam na mesma moeda, com Miguel Moura a apontar o seu segundo golo de livre direto do encontro.

Já dentro dos últimos 30 segundos, os barcelenses marcaram mais duas vezes. Primeiro marcou Darío Giménez e, depois, Miguel Rocha assinou também ele um hat-trick. Ambos os tentos contaram com assistência de Joca Guimarães. A partida acabou assim com o placard de 8-4.

Com este resultado, o OC Barcelos está à condição no primeiro lugar da tabela classificativa, enquanto que o HC Braga está no 12.º posto. Ambas as formações voltam a jogar no próximo sábado. Os barcelenses deslocam-se ao terreno do AD Valongo, enquanto que os bracarenses recebem o FC Porto.

Recorde ainda: Juventude de Viana aplica vitória pesada sobre o Famalicense