Minhotos não conseguiram marcar um único golo na baliza adversária.

O SC Braga perdeu, esta quinta-feira, na receção à AS Roma, em jogo a contar para os 16-avos-de-final da Liga Europa, por 0-2. Os golos foram marcados no início e no fim da partida.

A primeira parte abriu com o golo por parte da equipa visitante. Aos cinco minutos, a bola foi lançada para o corredor esquerdo dos italianos, de onde saiu o cruzamento de Spinazzola, que deu o golo a Dzeko. A reação dos minhotos só chegou aos 22 minutos, com um cabeceamento perigoso de Fransérgio, na sequência de um canto.

Na reta final da primeira parte, o jogo ganhou mais intensidade, com os bracarenses a criarem mais oportunidades, contudo sem grande perigo. Os forasteiros tentaram contra-atacar e conseguiram criar muitos lances de perigo, tendo mesmo chegado a golo, por Pedro Rodriguez. No entanto, o golo foi anulado por fora de jogo do espanhol. Ao intervalo, registava-se o 0-1 para a equipa italiana.

O segundo tempo começou com o SC Braga a procurar mais intensamente a igualdade. Contudo, aos 54 minutos, Ricardo Esgaio foi expulso, depois de uma falta perigosa sobre Gonzalo Villar. Em resultado da expulsão, a equipa italiana ficou mais perigosa e marcou novamente na baliza adversária, através de Mkhitaryan, mas foi anulado por fora de jogo do arménio.

Ainda assim, os minhotos não desarmavam e foram criando ataques perigosos, mas estancados, quase sempre, pela defesa romana. Contudo, aos 86 minutos, Borja Mayoral ampliou a vantagem romana. O avançado, lançado na segunda parte, encostou a bola depois de um passe de Mkhitaryan.

Com este resultado, o SC Braga fica numa situação comprometedora, pois, para a equipa passar, precisa de marcar, pelo menos, três golos em Roma. No próximo domingo, os arsenalistas recebem o Tondela, num desafio a contar para a 20.ª jornada da Liga NOS.

Recorde ainda: Vitória SC empata em casa frente ao SC Farense