Cessação de contrato tem efeito imediato, e já será Bino a orientar o treino desta segunda-feira na formação minhota.

Depois da derrota frente ao CD Tondela, João Henriques abandonou o comando técnico do Vitória SC, este domingo. O clube de Guimarães delegou Bino Maçães para orientar a equipa principal nos próximos confrontos do clube na Liga NOS.

João Henriques, treinador de 48 anos referiu, este domingo, em conferência de imprensa, ter condições para comandar a equipa, mas os recentes maus resultados levaram ao despedimento do técnico, anunciado pelo clube minhoto em comunicado oficial. Além do treinador principal, também os adjuntos Luís Morgado, Alberto Carvalho e Mauro Moderno abandonaram a formação da Cidade Berço.

O técnico natural de Tomar assumiu a equipa minhota à quarta jornada do Campeonato, e o início até parecia promissor. Nos primeiros 12 jogos na Liga NOS, o técnico conduziu os vitorianos a sete vitórias. No entanto, nos últimos dez jogos para a competição o Vitória SC somou apenas uma vitória, e já havia sido eliminado da Taça da Liga e da Taça de Portugal. Ao todo, dos 25 jogos em que esteve no banco dos vimaranenses, João Henriques somou nove vitórias, seis empates e dez derrotas.

Posto isto, a SAD do clube de Guimarães delegou Bino Maçães para o comando técnico da equipa principal, ele que até então comandava a equipa B dos minhotos no Campeonato de Portugal desde a temporada passada. Ao serviço dos bês minhotos, Bino realizou um total de 29 jogos, onde somou 14 vitórias, 12 empates e três derrotas. No que concerne apenas a esta temporada, o técnico de 47 anos deixa a formação secundária dos minhotos no terceiro lugar da série B do Campeonato de Portugal.

A cessação do contrato de João Henriques e consequente substituição por parte de Bino Maçães tem efeitos imediatos, pelo que Bino vai desde já orientar o treino desta segunda-feira do Vitória SC. O próximo encontro dos vitorianos é já na próxima sexta-feira, numa deslocação ao terreno de Portimonense que pode, então, marcar a estreia de Bino Maçães no banco de suplentes da equipa minhota.