O Centro de Estudantes de Engenharia Informática da Universidade do Minho (CESIUM) lançou um podcast chamado “Periférico”. O projeto, singular na academia minhota, pretende dar mais visibilidade ao núcleo e incluir uma oferta diferente no roteiro dos alunos da universidade.

A ideia surge em novembro, concretiza-se no início deste ano. O que trouxe um formato tão na moda para um núcleo de estudantes de Engenharia Informática? O gosto pela rádio. André Teixeira e José Nuno Macedo, elementos do departamento de Comunicação do CESIUM, avançam com um projeto que quer convidar “outros núcleos”, “experimentar coisas diferentes”, integrar “outras pessoas e outros cursos” e receber “convidados de fora”.

Com um moderador e três convidados o objetivo é “divulgar o CESIUM” e “aumentar a discussão e cultura”. Durante dez minutos, cada convidado fala sobre “um tema” e “peça cultural” que recomendem.

O nome “Periférico” surgiu numa altura em que André “estava à procura de um nome que estivesse relacionado com informática, mas que soasse a místico”. As gravações decorreram nos estúdios da Rádio Universitária do Minho. “Foram extremamente simpáticos” e “ensinaram-nos a fazer rádio”, conta o responsável do projeto.

O feedback recebido tem sido “variado”, diz André. Alguns dizem que o programa é “muito comprido”, para outros “muito curto”, “muito formal” ou “demasiado informal”. Apesar disso, “as pessoas gostam”, conclui.