O BC Barcelos e o Vitória SC apuraram-se para final a oito da Taça de Portugal em Basquetebol. Sanjoanense e Maia Basket, respetivamente, foram as equipas a ficar pelo caminho.

A equipa barcelense foi a São João da Madeira vencer a Sanjoanense por 61-76. Um jogo vivo e bem disputado, principalmente nos primeiros dois períodos, onde a equipa da 1.ª Divisão fez valer o estatuto de jogar em casa, almejando um lugar na próxima fase da prova.

O início do terceiro período trouxe alguma expectativa ao marcador, com a vantagem da equipa da casa (39-36). Contudo, algumas decisões erradas no momento de lançar, proporcionaram a inversão do marcador, a favor do BC Barcelos, muito pelas exibições de Marco Loncovic e Nikola Tadic. No final do terceiro período, o marcador já assinalava 45-55.

No derradeiro quarto, a Sanjoanense ainda se manifestou, mas não conseguiu inverter o rumo dos acontecimentos. 61-76 foi o resultado final. O BC Barcelos de José Rodrigues está pela primeira vez na final a oito da Taça.

Já o Vitória SC venceu o Maia Basket, por 74-54, em jogo a contar para os oitavos-de-final da Taça de Portugal. Os vitorianos mantêm a defesa de um troféu que conquistaram na época passada.

A equipa vimaranense não se mostrou fragilizada, após a derrota consentida no jogo do campeonato frente à Ovarense, e apresentou-se determinada a somar mais uma vitória para carimbar o apuramento para a fase seguinte da Taça de Portugal de basquetebol.

A formação orientada por Fernando Sá esteve bem de um ponto de vista ofensivo e apresentou-se com defesa sólida, tendo em conta que a formação maiata não se mostrou muito perigosa. O Maia Basket mostrou dificuldades e algumas falhas a nível ofensivo, o que ajuda a explicar 20 pontos de diferença no final da partida, tal como ditava o marcador: 74-54.

Marta Sousa

Ricardo Castro