O BC Barcelos venceu o Maia Basket por 67-78, em encontro referente à quarta jornada da Liga Portuguesa de Basquetebol. Numa partida entre as duas únicas equipas invictas em prova, os minhotos foram mais fortes, assumindo assim a liderança isolada no campeonato.

O Maia Basket entrou melhor no encontro, tirando partido do fator casa e de alguma precipitação inicial da turma barcelense. Apesar de ter entrado na partida a perder, o BC Barcelos melhorou com o decorrer dos minutos, encurtando para apenas dois pontos, a vantagem dos maiatos no final do primeiro quarto (22-20).

No segundo período, os pupilos de José Ricardo Rodrigues impuseram o ritmo do encontro, explorando com bastante eficiência as situações de contra-ataque. Perante um Maia Basket impotente para travar o jogo ofensivo minhoto, o BC Barcelos alcançou a liderança no marcador, conquistando uma vantagem de oito pontos, no final da primeira parte (34-42).

Já no segundo tempo, o BC Barcelos entrou autoritário, procurando resolver a partida o mais rapidamente possível. Desta forma, a equipa barcelense aniquilou o jogo ofensivo da turma maiata, concedendo apenas seis pontos, durante todo o terceiro período. Além disso, o conjunto minhoto esteve irrepreensível ofensivamente, revelando sempre maior eficácia junto das tabelas e ao nível dos lançamentos de média e longa-distância.

Dispondo de uma vantagem de 18 pontos, conquistada no terceiro parcial, a turma de Barcelos apenas teve de gerir o controlo da partida para manter a invencibilidade na prova e assumir a liderança isolada da Liga Portuguesa de Basquetebol.

Destaques individuais para Marco Loncovic (21 pontos e oito ressaltos) e Nuno Oliveira (10 pontos, sete ressaltos e sete assistências) do lado da formação minhota, enquanto Nuno Marçal (20 pontos e 19 ressaltos) e Pedro Catarino (26 pontos e três roubos de bola) foram os elementos mais inconformados do conjunto maiato.