A equipa do SC Braga/AAUM não foi além de um empate a três bolas na receção ao São João, encontro referente à 22ª ronda da Liga SportZone. Numa partida em que a formação de Paulo Tavares esteve sempre na frente do marcador – e em superioridade numérica a partir do minuto 31-, não conseguiu segurar a vantagem que chegou a ser de dois golos. Mérito para a equipa do São João que nunca desistiu do encontro, saindo premiada com um ponto precioso na luta pela manutenção.

Grande jogo no Pavilhão Desportivo da Universidade do Minho. A formação minhota, já apurada para os playoffs de apuramento de campeão, recebia um adversário a necessitar desesperadamente de pontos. Mas foi o conjunto da casa que entrou melhor no jogo. Estavam decorridos apenas três minutos da partida quando Nílson Miguel inaugurava o marcador. Quatro minutos depois, Tiaguinho aumentava a vantagem, traduzindo no marcador a superioridade evidenciada dentro de campo por parte dos minhotos.

O São João reduziu ao minuto 13,de livre direto, por intermédio de Gustavo Martins. A mesma dose repetiu-se dois minutos depois com Cássio a desviar um livre cobrado por André Batalha, aproveitando uma desconcentração defensiva dos minhotos. O primeiro tempo terminava assim com uma igualdade a duas bolas.

O segundo tempo começou como tinha acabado a primeira metade. Ritmo frenético com ambos os lados em busca do golo que desse a vantagem à sua equipa. E este apareceu cedo. Minutos antes o árbitro da partida ter invalidado um golo ao São João, assinalando falta sobre André Machado, Tiago Brito “sentou” o seu adversário e colocou a turma bracarense de novo na frente. As coisas iriam ficar piores para o conjunto visitante quando André Batalha recebeu ordem de expulsão ao minuto 31, deixando o conjunto de Coimbra com menos um homem.

Quanto tudo parecia perdido para o São João eis que surgiu Gustavo Martins. Nova falha da defesa bracarense, e o camisa 7 de pé esquerdo empatava as contas do encontro. Golpe duro na turma minhota, que desperdiçou inúmeras oportunidades – destaque para a grande exibição de João Gregório. Até ao fim o SC Braga “carregou” em busca dos três pontos, mas sem sucesso. Chegava assim o fim do encontro com o resultado final de 3-3.

Resultado que acaba por ser justo, face à valentia do São João que nunca desistiu. Com este empate os bracarenses passam a somar 45 pontos, encontrando-se no 3º lugar.  Na próxima jornada os minhotos deslocam-se ao terreno dos Leões Porto Salvo.