Lendas vs Câmara Municipal de Braga. Foi assim o sexto dia de atividades da Fan Zone, com muito boa disposição à mistura.

Realizou-se esta quinta-feira o Jogo das Lendas, incorporado na semana do desporto paralela à Final Four da Taça CTT. A partida teve lugar no Mini Estádio, que é um dos espaços que compõe a Fan Zone localizada na Avenida Central de Braga.

Esta iniciativa teve um cariz solidário e opôs um conjunto de funcionários da Câmara Municipal de Braga a uma equipa de lendas. A última contou com ex-jogadores de renome como Helton, Frechaut, Rúben Amorim, Simon Rolfes, Barroso, Hélder Postiga, Luís Boa Morte, Jorge Andrade, César Peixoto, Hugo Viana, Nuno Gomes, Almani Moreira e Alan, treinados por Augusto Inácio.

Numa das atividades com mais interesse da Fan Zone, no centro de Braga, o resultado final não foi o mais importante dado o seu cariz solidário. Nesta partida, predominou a alegria quer por parte dos jogadores quer por parte dos adeptos que foram, em grande número, rever os ex-profissionais.

Durante os 40 minutos de jogo é de ressaltar a boa disposição e o fair-play que se fizeram sentir, também devido à “solidariedade” que as lendas tiveram para com a equipa bracarense. Na segunda metade do encontro, Rúben Amorim, Luís Boa Morte e Almani Moreira envergaram a camisola da formação da Câmara Municipal de Braga para “equilibrar” a partida, tornando-a assim mais interessante, ao mesmo tempo que continuava a imperar a alegria entre os presentes.

Durante o intervalo, sorteou-se um bilhete duplo, de entre todos os que assistiam àquele jogo, para a final da Taça CTT, a realizar-se no próximo sábado entre Vitória FC e Sporting CP. O custo do ingresso para ver o Jogo das Lendas foi de um euro e a receita total reverteu a favor do Centro Novais e Sousa e da Associação Pais em Rede – núcleo de Braga.

Estiveram presentes, neste encontro, os presidentes da Liga Portugal, Pedro Proença, da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, e da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), Luciano Gonçalves.