O ABC/UMinho ainda esteve em vantagem ao intervalo, mas não conseguiu travar o atual campeão nacional. Os bracarenses estão agora em quinto lugar.

O Pavilhão Flávio Sá Leite foi palco para o embate entre ABC/UMinho e FC Porto, a contar para a jornada sete do Campeonato Placard Andebol 1. Os minhotos chegaram ao intervalo com vantagem de três tentos, mas até final os dragões fizeram a reviravolta.

O jogo começou de forma favorável à equipa da casa. A turma liderada por Jorge Rito entrou com maior eficácia, e conseguiu logo uma vantagem de dois golos. Frente a uma formação azul e branca fisicamente mais forte, os bracarenses mostraram-se ao nível do rival.

A equipa do ABC/UMinho conseguiu surpreender o adversário com algumas combinações interessantes, muitas vezes iniciadas pelos jogadores André José e João Fernandes. Contudo, a defesa portista não permitiu que os minhotos abrissem distância no marcador.

Mantendo o ritmo, o Académico chegou ao intervalo a vencer por três golos, vantagem que não durou muito tempo após o início da segunda parte. O FC Porto entrou mais forte na segunda metade da partida e conseguiu alcançar um parcial de 0-5.

A entrada de José Vieira permitiu reduzir a vantagem da equipa liderada por Magnus Andersson. Destaque para Hugo Rocha e João Fernandes, que marcaram cinco e quatro golos, respetivamente, para os bracarenses.

Nos instantes finais do jogo, o Académico ainda tentou aproximar-se do adversário, mas o resultado estava traçado. O ABC/UMinho perdeu a partida por 29-32, mas não perdeu o apoio dos adeptos bracarenses, que se fizeram ouvir o jogo todo.

A equipa minhota fica, assim, em quinto lugar na tabela classificativa. Os minhotos preparam agora a deslocação às ilhas para um jogo frente ao Madeira SAD.