Minhotos voltaram a vencer depois do empate na última jornada.

O OC Barcelos venceu, este sábado, na receção ao HC “Os Tigres”, na nona jornada do Campeonato Nacional da I Divisão de hóquei em patins. Os barcelenses, que vinham de um empate a cinco golos na visita à AE Física D, triunfaram por 9-4 e continuam na luta pela liderança.

O jogo arrancou a um bom ritmo e, logo aos três minutos, os visitantes podiam ter aberto o marcador através de uma grande penalidade. No entanto, Filipe Bernardino não conseguiu levar a melhor sobre Ricardo Silva.

Como diz o ditado, “quem não marca, sofre” e o OC Barcelos respondeu em dose dupla. Ao minuto sete, Ezequiel Mena abriu o marcador e, no minuto seguinte, Miguel Rocha dilatou a vantagem na conversão de uma grande penalidade.

O encontro não perdeu intensidade e os forasteiros tiveram mais uma boa ocasião para chegar ao golo, desta vez na marcação de um livre direto. Ricardo Silva voltou a levar a melhor, desta feita sobre Miguel Feio. Três minutos depois, Gonçalo Meira fez o 3-0 para a equipa da casa mas, no mesmo minuto, Filipe Bernardino reduziu para 3-1.

Até ao intervalo, a equipa de Barcelos controlou a partida. Franco Ferruccio e Miguel Rocha desperdiçaram, respetivamente, um livre direto e uma grande penalidade no mesmo minuto (21′), antes de Alvarinho aproveitar uma situação de powerplay para chegar ao 4-1. Antes do apito para o descanso, Ezequiel Mena fez o quinto tento dos anfitriões, na marcação de um livre direto.

Com uma vantagem larga, o OC Barcelos controlou o encontro na segunda parte e chegou ao sexto golo logo ao 28.º minuto, por intermédio de Miguel Rocha. O camisola 44 podia ter assinado o hat-trick pouco depois, mas desperdiçou um castigo máximo pela segunda vez na partida. Novamente em powerplay, os minhotos chegaram ao 7-1 ao minuto 32, por intermédio de Franco Ferruccio.

Ao minuto 36 foi novamente a altura de Ricardo Silva brilhar. O guarda-redes da casa travou uma grande penalidade batida por Filipe Bernardino pela segunda vez no encontro. Contudo, nada pôde fazer para impedir Hernâni Domingos de fazer o 7-2 poucos segundos depois. Os barcelenses responderam bem, com Gonçalo Nunes a fazer o oitavo golo.

Pouco depois, o mesmo Gonçalo Nunes permitiu que Pedro Santos defendesse uma grande penalidade e, a um minuto do fim, a equipa de Almeirim marcou dois golos em poucos segundos, por intermédio de Frederico Neves – na marcação de um livre direto – e Miguel Feio. A um segundo do fim, Alvarinho ainda foi a tempo de fazer o 9-4.

Na classificação, o OC Barcelos sobe, à condição, à liderança do campeonato com 22 pontos. Os barcelenses aguardam pelo que vai fazer a UD Oliveirense este domingo. No próximo fim de semana, os minhotos recebem os espanhóis do Lleida, em jogo a contar para a primeira mão dos oitavos de final da Taça WS Europe.