Falta de eficácia ditou o nulo entre as duas formações.

O Gil Vicente, vindo de uma vitória caseira, viajou até à capital do móvel, este domingo, para defrontar o FC Paços de Ferreira em jogo a contar para a 17ª jornada da Liga NOS. A partida acabou empatada a zero.

Aos 19 minutos da partida chegou a primeira oportunidade de golo para os castores com Douglas Tanque a rematar fora da área para a defesa de Denis. Apesar de uma melhor primeira parte do FC Paços de Ferreira, o Gil Vicente teve mais perto de ser feliz, com um remate de Sandro Lima, aos 36 minutos. A bola passou a poucos centímetros do poste esquerdo da baliza dos “castores”. O jogo seguiu para tempo de descanso com o resultado nulo.

Aos 58 minutos, o FC Paços de Ferreira voltou a ameaçar os minhotos no seguimento de um pontapé de canto –  Maracás cabeceou para a barra da baliza dos “galos”. O Gil Vicente continuava a tentar chegar à frente no marcador, mas a ineficácia imperava no jogo. Lourency criou perigo, aos 67 minutos, depois de passar pela defesa da casa, colocou a bola em Zakaria Naidji que rematou, mas não conseguiu passar por Ricardo Ribeiro.

A barra dos galos voltou a abanar aos 72 minutos no seguimento de um pontapé de canto, Tanque cabeceou contra a mesma. Apesar das diversas oportunidades para ambas as equipas o jogo ditou o nulo.

Na próxima jornada o FC Paços de Ferreira volta a jogar no seu reduto contra o SL Benfica. O Gil Vicente terá também uma tarefa difícil ao viajar até à cidade invicta para defrontar o FC Porto. Quanto à classificação, os minhotos estão no oitavo lugar em igualdade com Rio Ave e Vitória FC, com 22 pontos.