Dez entradas e 16 saídas marcam, para já, o mercado dos famalicenses.

“Apesar dos excelentes resultados” na época passada, João Pedro Sousa definiu, em declarações à comunicação social, como “base” para a nova temporada a melhoria de jogo da sua equipa. Na prévia edição da Liga NOS, o FC Famalicão terminou no sexto posto da tabela classificativa, com 54 pontos, e viu o sonho europeu escapar na última jornada.

A formação liderada por João Pedro Sousa conta, até ao momento, com 27 jogadores, dos quais dez são reforços. Para a baliza, os famalicenses operaram a contratação do guardião Ivan Zlobin, proveniente do SL Benfica. Na defesa, Srdan Babic (emprestado pelo Crvena Zvezda), Henrique Trevisan (ex-Ponte Preta), Alexandre Penetra (ex-Benfica), Abdul Ibrahim (ex-GD Chaves Satélite) e Daniel Morer (ex-Barcelona) são as novas caras.

Em relação ao meio-campo, chegaram a Famalicão Andrija Lukovic (ex-RKS Raków) e Diego Batista (ex-Benfica). Para reforçar a zona mais ofensiva, os famalicenses garantiram Fernando Valenzuela (cedido pelo Barracas Central) e ainda Jhonata Robert (cedido pelo Grémio).

FC Famalicão

* O plantel do FC Famalicão para a época 2020/21, ainda sujeito a alterações devido ao mercado de verão continuar aberto.

Quanto às saídas, o FC Famalicão perdeu os guarda-redes Rafael Defendi e os médios Pedro Gonçalves e Cafú Phete. Para além disso, terminaram o vínculo de empréstimo aos famalicenses os guarda-redes Vaná Alves e Vitor Caetano, os defesas Nehuén Perez, Álex Centelles, Roderick Miranda, Racine Coly, Ivo Pintoe Ibrahim Cissé, o centro-campista Uros Racic e os avançados Fábio Martins, Diogo Gonçalves e Nicolás Schiappacasse. Por fim, Lionn terminou contrato com a turma de Famalicão e está, atualmente, sem clube.

A estreia dos homens de Vila Nova de Famalicão na Liga NOS 2020/2021 está marcada para o dia 18 de Setembro, na receção ao SL Benfica. O treinador João Pedro Sousa pretende uma equipa mais forte nos treinos e que procure “ganhar mais vezes” nos jogos.