Vimaranense terminou a prova em 4h46.

Rita Lopes, natural de Caldas das Taipas, em Guimarães, foi vice-campeã ibérica de triatlo meia distância dos 25 aos 29 anos. Já no passado sábado, em Caminha, a vimaranense tinha ficado no segundo lugar da mesma categoria, em triatlo longo.

A atleta representa o Boavista FC e percorreu a prova em 4h46, depois de 21 quilómetros de corrida, 90 de ciclismo e 1,9 de natação. Na sua página pessoal do Facebook, Rita admitiu que, no início, teve “bastantes dificuldades em encontrar” o seu ritmo, mas que, mesmo assim, nadou dentro do “record pessoal”. Já sem noção de tempo, dada a avaria do seu relógio, a vimaranense afirmou que, na “chegada ao último segmento, as sensações foram muito boas”.

Na mesma publicação a atleta refere que sentiu dificuldades na preparação desta prova uma vez que a última prova que realizou foi há sete meses. “Não foi fácil gerir tanto a motivação como adequar os treinos para um objetivo em concreto”, reconheceu.