Os quartos de final do play-off decidiam-se à melhor de três.

No segundo jogo dos quartos de final do play-off de apuramento do campeão nacional da I Divisão do Campeonato Nacional de Hóquei em Patins, a Juventude de Viana recebeu o FC Porto. Os azuis e brancos venceram a partida por 3-1.

O técnico André Azevedo alterou três jogadores em relação ao cinco inicial da primeira mão, o que resultou numa boa construção de jogo combinada com um processo defensivo de qualidade. Os minhotos praticaram ataques curtos e os dragões optaram por ataques longos. Apesar da maior posse de bola do FC Porto, o jogo esteve partido durante toda a primeira parte.

Aos doze minutos, Pedro Batista aproveitou o facto de Poka ter escorregado e colocou os minhotos em vantagem. A partir daí, a Juventude de Viana ganhou confiança e conseguiu ter mais bola ao apostar nos erros adversários. Consequentemente, os azuis e brancos tiveram muitas perdas de bola. Aos 20 minutos, foi marcada uma grande penalidade favorável aos minhotos, mas Xavi Malián defendeu o remate de Rémi Herman. No mesmo minuto, assinalou-se outra grande penalidade, desta vez, para o FC Porto. Contudo, Gonçalo Alves não conseguiu bater Bruno Guia.

Na segunda parte, os dragões controlaram a partida e foram mais incisivos em termos ofensivos. Aos 28 minutos, Xavi Barroso, assistido por Gonçalo Alves, estabeleceu a igualdade no marcador. Aos 33 minutos, na sequência da décima falta dos portistas, Pedro Batista marcou um livre direto, porém, Xavi Malián voltou a defender.

Os azuis e brancos estavam mais fortes e, um minuto depois, Gonçalo Alves rematou de meia distância e colocou a equipa em vantagem. Aos 38 minutos, Gonçalo Alves voltou a tentar a sua sorte, de livre direto, e bisou na partida. A 30 segundos do fim, ainda foi marcada uma grande penalidade que beneficiava os minhotos, mas Gustavo Lima rematou ao lado.

Os minhotos despedem-se assim do play-off, depois de, no passado sábado, terem também perdido com os dragões por 8-1. Na época 2020/21, os minhotos somaram oito vitórias, cinco empates e 15 derrotas.

Recorde ainda: Juventude de Viana goleada frente ao FC Porto