Os barcelenses bateram o Tondela pela margem mínima.

O Gil Vicente deslocou-se, este sábado, ao reduto do CD Tondela. Em jogo a contar para a primeira fase da Allianz Cup, os galos resolveram o jogo ao cair do pano e garantiram a passagem à próxima ronda da competição.

O início da partida viu um lado do CD Tondela mais agressivo que os visitantes e a pressionar os minhotos, que mantiveram a sua postura. No entanto, o primeiro tempo foi escasso em termos de oportunidades de golo e lances de perigo, contando apenas com uma tentativa de golo por parte de Jhon Murillo, que testou a agilidade do guardião gilista. Ainda antes do descanso, um remate de Francisco Navarro encontrou o poste da baliza dos homens da casa.

A segunda parte teve um início semelhante ao do primeiro, mas com mais oportunidades de perigo por parte dos visitados. Primeiro, João Pedro obrigou Kritciuk a esforçar-se com um remate fora da grande área. De seguida, no outro lado do campo, o desvio de Rúben Fonseca num canto batido por Pedrinho viu o senegalês Babacar Niasse a afastar a bola por cima da barra. Contudo, o nulo foi quebrado apenas aos 87 minutos. O médio Vítor Carvalho, num ressalto dentro da grande área, encostou a bola no fundo das redes do Tondela. Desta forma, o jogador brasileiro carimbou a vitória gilista pela margem mínima.

Com este triunfo, o Gil Vicente segue para a segunda fase da Allianz Cup, onde vai defrontar o Paços de Ferreira. A partida está agendada para as 20h15 da próxima sexta-feira, dia 30 de julho.