Famalicenses ainda conseguiram o empate no tempo de compensação, mas o golo foi invalidado pelo VAR.

O FC Famalicão visitou esta sexta-feira o FC Arouca para a terceira jornada da Liga Bwin 2021/22. A formação de Ivo Vieira lutou pela primeira vitória do campeonato, porém saiu derrotada por 2-1.

A equipa minhota entrou na partida com maior posse de bola e correu atrás dos possíveis primeiros pontos do campeonato. Porém, a primeira situação de perigo surgiu por parte do Arouca passados dez minutos do apito inicial. Após uma jogada coletiva, André Bukia rematou para a defesa incompleta do guardião famalicense. Arsénio Nunes apareceu para a recarga, mas Riccieli foi mais rápido a afastar o esférico.

Poucos minutos depois os pupilos de Armando Evangelista quase inauguraram o marcador. Eugeni Valderrama cruzou para a grande área e Sema Velázquez cabeceou para perto da trave. Apesar da persistência da formação da casa, os minhotos abriram o marcador aos 23 minutos. Os forasteiros aproveitaram os erros no setor defensivo adversário e Iván Jaime serviu Bruno Rodrigues que empurrou o esférico para o fundo das redes.

Aos 32 minutos, Eugeni Valderrama tentou o golo do empate na sequência de um livre, no entanto Luiz Júnior sacudiu a bola para fora. O FC Famalicão contestou logo de seguida com um remate de Ivo Rodrigues defendido rapidamente por Fernando Castro.

As equipas recolheram aos balneários com o resultado de 0-1 na primeira metade do jogo. No regresso, os minhotos mostraram-se determinados a aumentar a diferença pontual. Aos 52 minutos, Bruno Rodrigues surgiu isolado e recebeu o esférico de Iván Jaime. No frente a frente com o guardião arouquense, o número 11 optou por servir o lateral Ivo, mas Quaresma foi mais rápido e cortou para canto.

Aos 65 minutos surgiu uma oportunidade importante para o FC Arouca e João Basso não a deixou escapar. Na marcação de uma grande penalidade, o número 13 rematou de forma certeira para o empate e Luiz Júnior caiu para o lado oposto.

Já em cima do minuto 90, a formação da casa dilatou a vantagem para 2-1. Pedro Moreira bateu um canto para a grande área e Leandro Silva atirou de primeira para o segundo golo.

No tempo de compensação, os forasteiros conseguiram um empate momentâneo, uma vez que o golo foi anulado após consulta do VAR. Riccieli passou para Dylan Batubinskia que acertou nas redes arouquenses, porém antes tocou com o braço na bola.

Com este resultado, o FC Famalicão continua sem nenhum jogo ganho no campeonato e cai para o último lugar da tabela classificativa. O próximo compromisso dos minhotos está marcado para dia 28 de agosto, em casa, frente ao Sporting CP.

Recorde ainda: FC Famalicão não pontua na receção ao FC Porto