Golos tardios ditaram o empate da equipa gilista.

O Gil Vicente FC deslocou-se, este sábado, ao Estádio Dr. Magalhães Pessoa, em Leiria, para defrontar o Belenenses SAD. A partida, a contar para a sexta jornada da Liga Bwin, terminou com o empate a uma bola (1-1).

A turma gilista entrou mais pressionante e foi a primeira a criar perigo. Aos três minutos, Fujimoto e Fran protagonizaram um lance que fez tremer a equipa de Belém. Num cruzamento do japonês, Fran desviou para a baliza, mas Luiz Felipe evitou o golo.

O Belenenses SAD ganhou mais confiança e conseguiu ter mais iniciativa, mas continuou longe da baliza de Ziga Frelih. No entanto, Yaya Sihole rematou de primeira, mas a oportunidade saiu às malhas laterais do guarda-redes minhoto.

Perto do apito para o intervalo, a equipa do Minho teve uma boa oportunidade para inaugurar o marcador. Depois de um canto, Vítor Carvalho cabeceou forte, mas Luiz Felipe voltou a negar o golo aos gilistas. As equipas recolheram ao balneário com 0-0 no placard.

Na segunda metade, o Gil Vicente continuou a trocar bem a bola e a pressionar perto da área do Belenenses SAD. Aos 76 minutos, Luiz Felipe voltou a travar uma jogada estudada do Gil Vicente. Abel Camará cruzou para o segundo poste, Alison cabeceou, mas a bola foi à barra e bateu em Frelih antes de entrar na baliza, colocando o Belenenses SAD em vantagem, aos 83 minutos.

O Gil Vicente respondeu bem ao golo e foi avançando no terreno. Aos 86, Zé Carlos esteve muito perto de empatar a partida. Apesar da forte pressão, o Belenenses SAD cedeu a igualdade aos 90+2 minutos, num livre onde Aburjania saltou mais alto e marcou o golo da igualdade (1-1).

Com este resultado, o Gil Vicente FC fica na sexta posição da tabela classificativa. Na próxima jornada, os minhotos vão enfrentar, em casa, o FC Porto.