O Grupo de Alunos de Ciências da Comunicação da Universidade do Minho (GACCUM) foi fundado a 19 de abril de 1994 e tem como principal objetivo representar o curso e os seus estudantes. As eleições para a nova direção do órgão vão decorrer no dia 18 de outubro, existindo apenas uma lista candidata.

Com o lema “o que nos move é a vontade de fazer mais por ti”, a única lista a concorrer é encabeçada por Tânia Soares, estudante do terceiro ano de Ciências da Comunicação. A tomada de posse da nova direção acontece no dia 21 de outubro.

 

O que é o GACCUM?

Inicialmente, o núcleo era designado por Grupo de Alunos de Comunicação Social da Universidade do Minho (GACSUM). A mudança do nome ocorreu em paralelo com a mudança do nome do curso, no ano de 2013. Desde a sua génese que o GACCUM se assume como uma organização sem fins lucrativos e sem ligação a partidos políticos, instituições religiosas ou correntes filosóficas. Tem como missão conseguir organizar as mais diversas atividades e iniciativas de modo a cativar os estudantes e guia-se pelos valores de respeito, inovação e determinação.

Todos os anos, o GACCUM organiza as Jornadas da Comunicação, que consistem num evento exclusivo para os estudantes do curso e que providenciam a oportunidade de contactar com antigos alunos que exercem as diversas saídas profissionais no mercado de trabalho. Dentro do reportório de projetos do núcleo, incluem-se ainda colóquios, ciclos de cinema, workshops e atividades solidárias.

O grupo é constituído pelos seguintes departamentos: comunicação, multimédia, projetos, pedagógico e recreativo. A direção do GACCUM é composta pela Presidente, Vice-Presidente, Secretário,  Tesoureiro e Diretores de departamentos e tem como objetivo garantir que a estratégia global de desenvolvimento é cumprida. O núcleo inclui ainda o Conselho Fiscal e Jurisdicional e a Mesa da Assembleia Geral.

Apesar de funcionar autonomamente, o GACCUM conta com o apoio do Instituto de Ciências Socias (ICS) e do Instituto Português da Juventude (IPJ). Ocasionalmente, o núcleo recebe patrocínios de de outras instituições e empresas.