A turma de Carlos Carvalhal não perde há sete jogos.

Esta segunda-feira, o Estádio Cidade de Barcelos foi o palco do dérbi minhoto entre as formações do Gil Vicente FC e do SC Braga. O duelo, a contar para a jornada nove da Liga Bwin, terminou com a vitória dos bracarenses, por 0-1.

A equipa de Barcelos foi a primeira a criar perigo no encontro, com Samuel Lino a atirar às malhas laterais da baliza defendida por Matheus, à passagem do minuto três. No entanto, os bracarenses revelaram mais eficácia e, no minuto seguinte, o nulo foi desfeito. Ricardo Horta, depois de um passe de rotura de Yan Couto, não foi capaz de bater o guardião gilista Frelih, mas, na recarga, Vitinha apontou o 0-1.

Após o golo forasteiro, o jogo prosseguiu a um ritmo elevado e as oportunidades surgiram de parte a parte. Ao minuto dez, o Gil Vicente FC ficou muito próximo de repor a igualdade, porém Leautey não foi além de um remate ao lado. Sete minutos mais tarde, foi a vez do SC Braga ameaçar ampliar a vantagem, por intermédio de Iuri Medeiros. Todavia, o pontapé do extremo português saiu a centímetros do poste e o resultado permaneceu igual.

Nos instantes finais do primeiro tempo, a formação caseira cresceu na partida e beneficiou das melhores ocasiões de perigo. Mas, apesar do domínio barcelense, Matheus respondeu sempre da melhor maneira e, por três vezes, negou o golo a Samuel Lino. Até ao término da primeira parte, o resultado não se alterou e ambas as equipas regressaram aos balneários com o SC Braga a vencer por 0-1.

Na retoma do encontro, o equilíbrio foi a nota dominante. Vitinha, aos 48 minutos, ficou perto de bisar na partida, contudo, o remate do jovem bracarense esbateu nas redes laterais da baliza de Frelih.

A resposta gilista não tardou e, seis minutos depois, Matheus calculou mal a saída dos postes e Leautey ficou com a baliza à sua mercê. Quando tudo fazia antever o golo do empate, surgiu Sequeira que, com um corte acrobático na linha de baliza, afastou o perigo e manteve as redes da baliza bracarense invioladas.

Na última meia hora de jogo, o SC Braga recuou no terreno, na tentativa de segurar a vitória. Por outro lado, o Gil Vicente FC assumiu as rédeas do encontro e, até ao apito final, dispôs das melhores chances para fazer balançar as redes. Já no período de compensação, Giorgi Aburjania teve nos pés uma ocasião flagrante para empatar a partida, contudo Matheus respondeu da melhor forma ao remate do médio gilista e o resultado não se alterou. O SC Braga venceu o dérbi minhoto, por 0-1.

Com este resultado, o Gil Vicente FC permanece na décima posição da Liga Bwin, ao passo que o SC Braga ascende ao quinto lugar da tabela. Na jornada dez do campeonato, os gilistas deslocam-se à Madeira para defrontar o CS Marítimo, em jogo realizado no próximo domingo, dia 31, às 15:30.

Por sua vez, os arsenalistas recebem o Portimonense SC na próxima segunda-feira, dia 1, às 19h. No entanto, a meio da semana, o SC Braga recebe, para a Allianz Cup, a formação do Paços de Ferreira. A partida está marcada para quinta-feira, dia 28, às 20h15.