O evento contou com a presença de vários voluntários e fregueses, numa noite de convívio.

A Junta de Freguesia de São Victor, em Braga, aderiu, mais uma vez, à iniciativa de juntar dez cidadãos que, sem esta ceia, teriam de passar a noite da consoada sozinhos. Com o intuito de combater o isolamento social, esta iniciativa contou com a colaboração de vários voluntários.

A autarquia revelou que “por motivos diversos, há pessoas que estão privadas de celebrar esta noite especial em família” e declarou que “se o Natal é a festa da família, o desejo é que freguês algum passe esta noite isolado”. Ademais, a autarquia acrescentou que “o convívio e a união sentida na ceia prova que o combate ao isolamento social é uma das linhas mais importantes de investir”. Nesse sentido, afirmou, ainda, que com esta iniciativa pretende não só demonstrar um gesto de solidariedade muito importante, mas também prolongar o espírito natalício para o ano inteiro.

Os autarcas de São Victor agradeceram aos voluntários, à iPUM (Associação de Percussão Universitária do Minho) e ao Restaurante Churrasqueira Sete Fontes pelo “apoio que concederam neste momento especial” e por se predisporem a doar as entradas e as sobremesas para a ceia de Natal.