Golos só surgiram nos últimos dez minutos do encontro.

O Vitória SC recebeu, esta quarta-feira, no Estádio D.Afonso Henriques, a formação do Boavista FC. O jogo, a contar para a jornada 16 da Liga Bwin, terminou empatado com o resultado de 1-1.

Os vimaranenses procuram atacar desde o apito inicial. Contudo, a primeira ocasião de golo surgiu somente à passagem do minuto 23. Na sequência de uma transição rápida, Rafa Soares serviu Óscar Estupiñan que, do coração da área, atirou a centímetros do poste da baliza boavisteira.

O Boavista FC não tardou a reagir e, cinco minutos mais tarde, Bruno Varela foi obrigado a intervir por duas vezes consecutivas. Da primeira, o guardião travou o remate de Gustavo Sauer e, na recarga, negou o golo a Petar Musa. O resultado não se alterou até ao final da primeira parte e ambas as equipas seguiram para o intervalo com o 0-0 no marcador.

Na retoma do encontro, o Vitória SC foi a primeira equipa a criar perigo e novamente através dos mesmos protagonistas. Ao minuto 56, Rafa Soares cruzou sobre o lado esquerdo do terreno, mas Óscar Estupiñan, nas alturas, não foi além de um cabeceamento por cima da baliza de Rafael Bracali.

Depois da oportunidade desperdiçada pelos conquistadores, foi necessário aguardar até ao minuto 78 para se assistir a uma nova chance de golo, desta vez para o lado dos axadrezados. Hamache ultrapassou João Ferreira em drible e concluiu a jogada individual com um remate cruzado ao lado da baliza de Bruno Varela.

Na parte final do duelo, o ritmo de jogo aumentou e, aos 80 minutos, o Vitória SC abriu mesmo o marcador. Rúben Lameiras arriscou de longa distância, Rafael Bracali parou o remate do camisola oito, porém, a bola sobrou para os pés de Óscar Estupiñan, que não vacilou e carimbou o 1-0.

Apesar do golo sofrido, a formação boavisteira não baixou os braços e repôs a igualdade ao minuto 85. A defensiva vitoriana não foi capaz de afastar o perigo da sua área e Tiago Ilori aproveitou para apontar o 1-1, depois de um lance de insistência das panteras negras.

Até ao apito final, ainda houve tempo para uma nova oportunidade a beneficiar a equipa forasteira. Todavia, na sequência de um livre direto, Kenji Gorré viu o golo da vitória ser negado por uma defesa apertada de Bruno Varela. O jogo terminou com o empate entre os dois conjuntos, por 1-1.

Com este empate, o Vitória SC permanece na oitava posição da Liga Bwin, com 23 pontos. Na jornada 17 da competição, os vimaranenses deslocam-se ao reduto do Gil Vicente FC. O dérbi minhoto está marcado para o dia 10 de janeiro, às 20h.

Recorde ainda: Vitória SC sai derrotado na visita aos Açores