Na madrugada desta segunda-feira, dia 4 de abril, tomou lugar a 64ª edição dos Grammy Awards, organizados pela Academia de Gravação. A premiação tem o intuito de reconhecer as melhores gravações, composições e artistas no período legível entre 1 de setembro de 2020 e 30 de setembro de 2021. A gala tomou lugar na MGM Grand Arena em Las Vegas e foi apresentada por Trevor Noah. Depois de ter sido reagendada devido a preocupações com a pandemia, foi a primeira vez que os Grammys se realizaram numa cidade que não Los Angeles para a realização de uma só edição.

No ano em que o número de nomeações nas categorias do campo comum subiu de oito para dez, Jon Batiste foi o artista que mais se destacou, levando cinco gramofones para casa, incluindo o cobiçado Álbum do Ano por We Are. O duo Silk Sonic abriu a gala com a canção “777” e levou as quatro estatuetas douradas para que estavam nomeados. A música “Leave The Door Open” garantiu a vitória como Gravação do Ano e Canção do Ano à dupla.

A cantora Olivia Rodrigo atuou ao som de “Driver’s License”, música com qual venceu a categoria Melhor Performance Pop Solo. Para além disso, Rodrigo conquistou o título de Artista Revelação, apresentado por Dua Lipa e Megan Thee Stallion, e Melhor Álbum Pop Vocal por Sour.

Já o grupo BTS foi nomeado pelo terceiro ano consecutivo, não conseguindo, no entanto, a vitória. Também Billie Eilish que saiu vencedora nas edições dos últimos anos, saiu perdedora desta que é considerada a grande noite da música. Outro nome que não recebeu nenhum galardão foi Taylor Swift que concorria com evermore, considerado um dos melhores álbuns da sua carreira.

A cerimónia contou ainda com performances de Lil Nas X, Lady Gaga, que homenogeou Tony Bennett, Justin Bieber, Carrie Underwood, entre outros. Brothers Osborne fecharam a premiação com a música “Dead Man’s Curve”.

 

Confira lista dos principais vencedores:

» Álbum do Ano: We Are (Jon Batiste)
» Gravação do Ano: “Leave The Door Open” (Silk Sonic)
» Artista Revelação: Olivia Rodrigo
» Música do Ano: “Leave The Door Open” (Silk Sonic)
» Melhor Performance Solo de Pop: “Driver’s License” (Olivia Rodrigo)
» Melhor Performance de Duo/Grupo Pop: “Kiss Me More” (Doja Cat & SZA)
» Melhor Álbum Pop Vocal Tradicional:  Love For Sale  (Tony Bennet & Lady Gaga)
» Melhor Álbum Pop Vocal: Sour (Olivia Rodrigo)
» Melhor Música Rock: “Waiting on a War” (Foo Fighters)
» Melhor Álbum de Rock: Medicine at Midnight (Foo Fighters)
» Melhor Álbum de Música Alternativa: Daddy’s Home (St. Vincent)
» Melhor Música R&B: “Leave The Door Open” (Silk Sonic)
» Melhor Álbum R&B: Haeux Tales (Jasmine Sullivan)
» Melhor Música Rap: “Jail” (Kanye West & Jay-Z)
» Melhor Álbum de Rap: Call Me If You Get Lost (Tyler, The Creator)
» Melhor Música Country: “Cold” (Chris Stapleton)
» Melhor Álbum Country: Starting Over (Chris Stapleton)
» Melhor Álbum de Música Urbana: El Último Tour Del Mundo (Bad Bunny)