A partida foi marcada pelo equilíbrio.

No final da tarde deste domingo, o Moreirense FC e o GD Chaves defrontaram-se na segunda mão do play-off de promoção/despromoção à Liga Portugal Bwin, depois da vitória flaviense na primeira mão por duas bolas a zero. A partida disputada na casa dos cónegos terminou com vitória por 1-0 para os comandados de Ricardo Sá Pinto.

O Moreirense, obrigado a marcar pelo menos dois golos neste jogo, criou a sua primeira oportunidade logo ao minuto três, com Rafael Martins a rematar para defesa apertada de Paulo Víctor. A resposta contrária não tardou através de um cabeceamento na sequência de um pontapé de canto que acabou defendido por Kewin.

Aos 25 minutos, Paulinho fez o primeiro da partida, com um grande remate ao ângulo superior direito da baliza do GD Chaves. Aos 41 minutos, João Correia trabalhou no lado direito do ataque transmontano e cruzou para Platiny obrigar Kewin a uma excelente intervenção. Até ao intervalo não se registaram novas oportunidades e o encontro foi para o descanso com vantagem caseira por uma bola a zero.

O primeiro lance do segundo tempo chegou apenas à hora de jogo por intermédio de Derik Lacerda que atirou por cima da baliza à guarda de Paulo Víctor. Oito minutos depois, Nuno Campos cruzou para a área visitada, mas Patrick falhou o golo só com o guardião do Moreirense pela frente. Segundos depois, foi João Teixeira, depois de novo centro de Nuno Campos, a atirar ao lado.

Aos 77 minutos, João Teixeira teve novamente nos pés o empate, mas a bola acabou desviada num jogador contrário e saiu por cima da baliza minhota. Já em tempo de compensação, Steven Vitória cabeceou para Paulo Víctor ceder canto para os minhotos.

A partida não teve mais lances de perigo e terminou com vitória do Moreirense FC por uma bola a zero, insuficiente, ainda assim, para evitar a descida de divisão da equipa de Moreira de Cónegos. Este foi o último jogo desta temporada.

Recorde ainda: Moreirense FC perde no reduto do GD Chaves