Vimaranenses ficaram a quatro pontos da quinta posição.

Na tarde deste domingo, jogou-se no Estádio D. Afonso Henriques a 32ª jornada da Liga Bwin, que colocou frente a frente o Vitória SC e o CD Santa Clara. Num jogo com várias dificuldades evidenciadas por parte do conjunto caseiro, não foi possível ir além de um empate por 1-1.

A primeira meia hora não correu de feição para a turma caseira, que não conseguiu tomar as rédeas no encontro. Foi a formação visitante a dominar, o que deixou a zona defensiva dos conquistadores bastante fragilizada.

Aos 13 minutos, surgiu o primeiro grande aviso da equipa insular. Ricardinho assistiu Lincoln que, de pé esquerdo, não finalizou nas melhores condições. Três minutos mais tarde, Kyosuke Tagawa ainda atirou a contar, mas o golo foi invalidado por posição irregular após revisão do VAR.

Com 30 minutos de jogo, o Vitória SC ainda não tinha criado nenhuma ocasião de perigo na baliza de Ricardo Fernandes. No entanto, a equipa não tardou a inverter o rumo no encontro. O primeiro remate à baliza dos minhotos traduziu-se em golo, à passagem do minuto 32. Rafa Soares cruzou para Óscar Estupiñán que fuzilou de cabeça o guardião insular e abriu o marcador.

Aos 35 minutos, o capitão Rochinha teve de ser substituído do duelo e Nélson Luz foi projetado para o seu lugar. Apesar da formação das ilhas se assumir como a mais organizada e perigosa, foi a turma de Pepa a mais eficaz na finalização e a sorrir no fim do primeiro tempo com uma vantagem por uma bola a zero.

Iniciada a segunda etapa da prova, rapidamente o CD Santa Clara voltou a criar problemas à defesa caseira. Após alegada mão de Abdul Mumin, foi assinalado penálti para os forasteiros. Allano, da marca dos 11 metros, rematou para o lado inferior direito da baliza e estabeleceu a igualdade na partida.

Aos poucos, o CD Santa Clara cresceu no encontro e voltou-se a repetir a tendência da primeira parte. Para inverter o rumo que o jogo estava a tomar, Pepa viu-se na necessidade de alterar o esquema tático e esgotou as substituições.

Foram poucas as ocasiões de perigo flagrante de ambos os lados até ao final do encontro. Perto do apito final, ainda foi solicitado penálti para a formação visitante, mas o duelo não sofreu alterações e terminou com um resultado de 1-1.

Com este empate, torna-se mais difícil a luta pela quinta posição da tabela classificativa, mantendo-se os vitorianos no sexto lugar com 44 pontos somados. No próximo jogo, o Vitória SC vai visitar o Estádio do Bessa para defrontar o Boavista, para a 33ª jornada da Liga Bwin.

Recorde ainda: Vitória SC empata na deslocação a Tondela