Sharon Marie Tate Polanski, nascida a 24 de janeiro de 1943, em Dallas, faria hoje 80 anos. A atriz e modelo norte americana é conhecida internacionalmente pela sua prestação como Jennifer North em O Vale das Bonecas (1967). Foi nomeada aos Globos de Ouro por esse mesmo papel.

Devido ao destacamento militar do seu pai, foi em Itália que começou a sua carreira no cinema. Estreou-se como figurante no filme Aventuras de Um Jovem (1962) onde foi notada por Richard Beymer, que a incentivou a perseguir uma carreira como atriz. Ainda em solo italiano, participou como figurante no filme Barrabás (1961).

Quando a sua família regressou aos Estados Unidos, Sharon decidiu investir no seu sonho de uma carreira em Hollywood. Destacando-se pela sua beleza e juventude, Tate atuou em várias publicidades televisivas e posou em revistas de moda, para fotógrafos como Philippe Halsman.

O seu primeiro papel principal aconteceu no filme britânico O Olho do Diabo (1966), o qual lhe abriu portas para outros papéis importantes nos anos seguintes. Entre os quais, a sua performance como Malibu em Não Faças Ondas (1967) e o seu papel mais famoso como Jennifer em O Vale das Bonecas (1967).

Apesar da enorme quantidade de fama que havia alcançado com os seus mais recentes papéis, Sharon não estava contente com o rumo da sua carreira. A atriz considerava que as pessoas só a viam como uma loira sexy e que isso a impedia de fazer outras personagens fora desse padrão.

Para além da sua curta carreira, Sharon Tate conseguiu causar bastante impacto com os seus poucos papéis. A sua extraordinária beleza catapultou a sua carreira em Hollywood mas também fez com que fosse empurrada para uma caixa onde não queria estar inserida. Para sempre fica a pergunta: seria Sharon capaz de quebrar o estereótipo que Hollywood lhe estampou?