Minhotos somam mais um triunfo no campeonato

O SC Braga recebeu, este sábado, o CR Leões de Porto Salvo num jogo da sexta jornada da primeira divisão portuguesa. Os arsenalistas demonstraram o seu favoritismo no segundo tempo e venceram por cinco bolas a zero, num jogo que esteve equilibrado até ao intervalo.

O SC Braga entrou melhor no terreno de jogo. Logo, no primeiro minuto, Rafael Henmi atirou à baliza para uma defesa segura do guardião dos Leões de Porto Salvo. A equipa vinda de Oeiras estava a apostar no contra-ataque e, numa das ofensivas, Bruno Pinto combinou com Ré e os visitantes quase abriram o marcador.

O SC Braga subiu o nível de jogo na partida e chegou ao golo ao minuto 5. Uma transição rápida com Tiago Brito a soltar o esférico para Tiago Correia que, com o pé esquerdo, atirou para o fundo das redes. Aos oito minutos, Tiago Brito esteve muito perto de aumentar a vantagem, ao tentar picar a bola para dentro da baliza, falhando por muito pouco.

Pouco depois, Allan Guilherme esteve também muito perto de fazer o segundo para os minhotos. O pivot brasileiro trabalhou sobre o adversário e rematou forte em direção à baliza, valendo a defesa de André Correia. No minuto seguinte, Gui Torres teve o empate nos pés. Numa perda de bola da formação bracarense, o ala, isolado, não conseguiu colocar a bola na baliza, com Deivd a intervir.

Já quase no final da primeira parte. a formação de Porto Salvo esteve perto de empatar, com Bruno Pinto a rematar ao poste. O Leões de Porto Salvo voltou do intervalo com a mesma vontade de empatar o jogo e, aos três minutos do segundo tempo, Bruno Pinto voltou a atirar ao poste da baliza de Deivd, deixando mais um aviso aos bracarenses.

Apesar da insistência dos visitantes, foi o SC Braga a reforçar a vantagem e a fazer o 2-0 no marcador. Um erro de Wendell ofereceu uma transição rápida aos gverreiros e Tiago Brito não perdoou, marcando o seu quinto golo na Liga Placard.

O segundo golo dos bracarenses pareceu trazer alguma desmotivação à formação do Leões de Porto Salvo e, quatro minutos depois, Robinho adicionou o seu nome à lista de marcadores. O jogador brasileiro conclui da melhor maneira uma jogada coletiva do SC Braga que acabou com Ítalo Rossetti a assistir Robinho para o 3-0, sem hipóteses de defesa para André Correia.

Nem um minuto depois, a formação minhota voltou a marcar num lance de bola parada, com Rossetti a desviar para o 4-0. Os minhotos não tiraram o pé do acelerador e o 5-0 surgiu de rajada. Deivd subiu na quadra e foi Tiago Sousa a encontrar Tiago Correia que só teve de encostar. O técnico da formação visitante ainda colocou o 5×4 na tentativa de reduzir a desvantagem, mas o encontro terminou com o resultado de 5-0.

A formação arsenalista continua sem derrotas na Liga Placard, e ocupa o primeiro lugar da tabela classificativa. Na próxima jornada, o SC Braga vai defrontar o AD Fundão no próxima sexta-feira, dia 3 de novembro, pelas 21h30.