COWBOY CARTER é o oitavo álbum da carreira da artista norte-americana Beyoncé. O álbum foi lançado a 29 de março de 2024 e gravado pela Parkwood Entertainment e Columbia Records.

Apesar do seu lançamento recente, COWBOY CARTER é um trabalho que Beyoncé tem desenvolvido desde 2020. O disco conta com cerca de setenta e oito minutos de música country, pop, soul, rock, R&B e folk.

Instagram

Intitulado maioritariamente como um álbum country, COWBOY CARTER inclui diversos temas dos quais “Levi’s Jeans”, com Post Malone, “Riverdance” e “II Most Wanted”, que junta Miley Cyrus e Beyoncé. Como exemplo da essência do álbum da cantora temos “16 Carriages”, um tema que tem sido bastante elogiado por abordar uma relação entre filhos e pais. Esta música é apresentada ao público com os vocais a que Beyoncé já nos habituou.

“Texas Hold ‘Em” foi lançado a 11 de fevereiro e tem sido a música com maior destaque do disco. O sucesso comercial do tema tem sido notável, tendo liderado a Billboard Hot 100, nos Estados Unidos.

“Protector” é uma canção mais sentimental e com uma melodia mais calma. A artista americana escreveu o tema para um dos seus filhos Rumi Carter, abordando que ela sempre será a sua protetora. A filha gémea de Beyoncé parece no  tema como voz de fundo. Outro dueto que faz parte de COWBOY CARTER é “Just For Fun”. Tendo uma melodia harmoniosa, Beyoncé e Willie Jones cantam uma letra muito realista, e mesmo triste.

O projeto tem sido muito bem recebido pelo público, que tem visto o álbum como uma reinvenção da cultura americana e da música country, passando pelas raízes negras de Beyoncé.

Quando a artista anunciou nas redes sociais a capa do álbum, afirmou que este seria uma continuação do seu outro disco, RENAISSANCE, e que o disco seria uma nova experiência e  jornada. Contudo, Beyoncé também revelou ter tido imensas críticas quando tornou público o estilo de CCOWBOY CARTER. E apesar de muitos olharem para este álbum como um álbum country, a artista afirmou não o ser.

A receção ao disco continua a ser grande, sendo que no dia do seu lançamento, COWBOY CARTER teve mais de 76 milhões de streams em todo o mundo. Foi também o álbum mais transmitido no Spotify num só dia.

O impacto cultural que este projeto de Beyoncé tem demonstrado é tal, que artistas como Stevie Wonder já afirmaram que este poderá ser o álbum mais discutido do século XXI. COWBOY CARTER tem mudado a cultura da música country, tendo já havido conversas sobre a inclusão de artistas negros no género. Daisy Woodward, da BBC News, escreveu que a adoção da música country por Beyoncé pode ajudar a recuperar a cultura ocidental e a relembrar a imagem tradicional dos cowboys.

COWBOY CARTER é, então, apresentado ao público como uma mudança, um experimento e uma novidade, que tem influenciado a cultura musical a olhos vistos. As críticas, que têm sido maioritariamente positivas, têm demonstrado a importância que o álbum pode ter, não só na carreira da artista americana, mas também aos amantes dos géneros que o disco apresenta.